sexta-feira, março 02, 2007

O verdadeiro Plastic Man

Estávamos nos anos 80 e em Portugal pontificavam dois gigantes nas balizas dos clubes da 2ª circular. Um deles, de gigante só tinha a vontade.
O pequeno, franzino e dono de uma farfalhuda bigodaça, Bento, que guardava a baliza das águias como um leão, faleceu ontem.
De todos os lados chegaram elogios, até de Platini.
Jesualdo Ferreira, diz-se, chegou a chorar, e os seus maiores adversários em frente à baliza, como Fernando "Bi-Bota" Gomes ou Manuel Fernandes recordaram o talento de Manuel Galrinho Bento, o Homem de Borracha, como o chamaram.
Manuel Fernandes protagonizou um dos lances mais invulgares da carreira de Bento.



Sem qualquer intenção de desrespeitar um dos grandes senhores do futebol português, fica a frase (da minha autoria):
"Depois de Bento ter arrumado as luvas, agora bateu a bota".

FOI PROFUNDO!

1 comentário:

Paulo Alexandre disse...

Típico de sportinguista... Enfim, o que me consola é que na altura, o pequenino e esforçado era o que estava na baliza da Selecção!

Dispenso...

Porque tudo o que é dito é dispensável...
Porque tudo o que é escrito é dispensável...

Este é um blog onde se fala a sério e se brinca.
Quem não goste de ironia ou sarcasmo que feche esta página rapidamente!
Aqui ninguém tem razão.
Eu não pretendo estar certo, pretendo observar e pretendo fazê-lo de uma forma atenta e crítica...de uma forma dispensável.

Dispenso...um blog dispensável.

pessoas já dispensaram um tempinho para dar uma espreitadela