terça-feira, setembro 12, 2006

Ainda falam do futebol português!

No jogo entre os clubes brasileiros Santacruzense e Atlético de Sorocaba, domingo passado, um apanha-bolas marcou um golo e este foi validado pelo árbitro.
A um minuto do fim da partida, o Sorocaba vencia por 1-0 e Samuel, jogador do Santacruzense rematou a bola contra as malhas laterais.
O apanha-bolas, aproveitou o facto de Sílvia Regina de Oliveira, a senhora do apito, estar de costas, e colocou a bola para dentro da baliza.
O golo foi validado por indicação do árbitro assistente e Regina de Oliveira, uma das mais conhecidas e experimentadas mulheres árbitros do Brasil, validou o lance.
O jogo terminou com um empate a uma bola e o Santacruzense assumiu a liderança do Grupo 3 da Taça da Federação Paulista de Futebol ( que, por acaso, tal como a Federação Portuguesa de Futebol, também tem como sigla FPF), seguido do Sorocaba, que perdeu, assim, o primeiro lugar.

Perto disto nem importa que mais um dirigente do Benfica, neste caso José Veiga, também tenha andado a fazer telefonemas "mafiosos" a Valentim Loureiro, se bem que na altura fosse "apenas" o accionista maioritário do Estoril Praia e não tivesse algum cargo no SLB.
Aliás, nessa altura o senhor Veiga ainda andaria a sonhar em ser presidente do Futebol Clube do Porto...

FOI PROFUNDO!

1 comentário:

Pall Mall disse...

Atão, não falas do teu Sporting? Afinal de contas, ganhou ao favorito para a vitoria da Liga dos Campeões...

Dispenso...

Porque tudo o que é dito é dispensável...
Porque tudo o que é escrito é dispensável...

Este é um blog onde se fala a sério e se brinca.
Quem não goste de ironia ou sarcasmo que feche esta página rapidamente!
Aqui ninguém tem razão.
Eu não pretendo estar certo, pretendo observar e pretendo fazê-lo de uma forma atenta e crítica...de uma forma dispensável.

Dispenso...um blog dispensável.

pessoas já dispensaram um tempinho para dar uma espreitadela