segunda-feira, junho 09, 2008

Português Suave

Lembro-me de, há uns bons anos, alguém ter contacto que, durante o Antigo Regime, um certo indivíduo chegou a uma tabacaria e pediu "Era um Português Suave..." mas acentuando o "Suave" e dizendo-o de uma forma sarcástica, uma vez que o dono da tabacaria era um suposto bufo da PIDE. O sujeito em questão foi detido passado pouco tempo.

E isto vem a que propósito?

Vem a propósito dos portugueses suaves que povoam este jardim à beira-mar plantado.

Quer dizer, andei durante dias e dias a receber mensagens e emails e o raio-que-o-parta a dizer "não vás à BP nem à Repsol nem à Galp nos dias 1,2 e 3 de Junho" e depois o que vejo?


A Repsol em frente à minha casa esteve com o ritmo de sempre, nos noticiários só se ouvia e via o pessoal que trabalha nos referidos postos de abastecimento a dizerem que foi um dia normal, que não se tinha registado qualquer quebra... Invenção?

Não.

Logo depois vinham os "fura-greves" a dizer que os outros postos estavam lotados e tinham urgência em abastecer, ou que estavam quase a ficar sem combustível e aquele era o posto mais próximo.

Tretas!

Para meter a porcaria da bandeirinha na janela ou no carro ou nos tomates (desculpem lá o palavreado) está tudo mobilizado, agora para meter um travão a uma situação que afecta todos, já tanto faz se pagam mais ou menos. Reclama-se mas assobia-se para o lado.

É isso que somos, um país de assobiadores.

Depois quando o combustível chegar aos 2 euros viramos país de ecologistas. É ver a malta a andar de bicicleta.

O que vale é que para ir até à Suíça e até à Áustria ver a bola há sempre dinheiro!


FOI PROFUNDO!

Dispenso...

Porque tudo o que é dito é dispensável...
Porque tudo o que é escrito é dispensável...

Este é um blog onde se fala a sério e se brinca.
Quem não goste de ironia ou sarcasmo que feche esta página rapidamente!
Aqui ninguém tem razão.
Eu não pretendo estar certo, pretendo observar e pretendo fazê-lo de uma forma atenta e crítica...de uma forma dispensável.

Dispenso...um blog dispensável.

pessoas já dispensaram um tempinho para dar uma espreitadela